03/02/2018

Café com leite


Café com leite
manteiga e pão.
Uma mão na caneca
e outra no mamão.

Mas eu vi o menino
olhando ali de pé;
sem mãe, sem pão,
e sem café.

Dei pra ele o mamão;
ele não quis.
Dei pra ele a minha mão:
ele ficou feliz.

Renata Pallottini

A autora deste poema é filha única e perdeu o pai muito cedo. Em meio à solidão de menina, ela descobre alguns caminhos e alegrias, como ler e escrever. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá. Aqui é o Pássaro das Sombras. Obrigado por estar aqui. Seu recadinho eu irei responder rapidinho.